Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Destralhar

Destralhar

Distrações digitais

Apple-iPod-Shuffle-2GB-Rosa.jpg

As redes sociais estão deliciadas e intrigadas com o facto de terem "apanhado" um atleta multimilionário com um iPod Shuffle, que basicamente é um leitor de mp3 muito simples, sem wi-fi ou outros assobios.

 

O iPod Shuffle é um modelo da Apple que foi descontinuado há 10 anos e que pode ser encontrado no Ebay por cerca de €20 (embora algo me diga que os preços irão subir, com a publicidade extra).

 

Então porque é que um multimilionário optaria por um gadget antigo e com menos funcionalidades das que a tecnologia (e o bolso) lhe permitem?

 

Eu suspeito que dois factores importantes: segurança (sem wifi não há acesso de hackers) e ausência de distracções.

 

Em vez de tentar evitar os dois problemas, ele eliminou-os por completo, removendo as distrações digitais associadas ao uso de um smartphone.

 

Associamos muitas vezes as novas tecnologias a melhoramentos e aumento de produtividade.

Porém, é perfeitamente possível que a resolução dos nossos problemas de produtividade e distração esteja em adoptar soluções low tech.

Telemóveis nas escolas - um debate que tem de acontecer

Uma das notícias da semana é que a França irá implementar uma proibição de telemóveis nas escolas, em ambiente de aula e recreio, já a partir do próximo ano lectivo.

 

Antes de mais, a questão da legitimidade. É legítimo ao Estado interferir a este nível, na vida das pessoas? A minha resposta é sim, já que estamos a falar do espaço escola em que são permitidas regras de conduta pertinentes para o bom ambiente escolar.

 

Porém, acredito que muitas pessoas concordarão com a proibição dentro das aulas, mas não no recreio, especialmente pais que querem manter uma linha de comunicação com os/as seus/suas filhos/as.

 

UTILIZAÇÃO DE TELEMÓVEIS NA ESCOLA

 

Prós

- Em caso de emergência (ou até mal-estar/doença), as crianças podem contactar os pais directamente. Tendo em conta que as escolas públicas têm cortado os recursos escolares, no que respeita a funcionários presentes no recreio, esse argumento não é desprezível.

- Muitos pais utilizam o telemóvel para contactar as crianças directamente, para combinar deslocações à escola ou avisar quanto a atrasos (porque houve falta de professor e sai mais cedo, porque perdeu o autocarro e chega mais tarde). 

- Os smartphones potenciam a info-inclusão, nomeadamente quanto a ferramentas (por exemplo, a possibilidade de substituir uma máquina calculadora científica, em regra com pouco uso face ao seu custo), conteúdos e até acesso (há quem só tenha acesso à internet em locais públicos).

- A atractividade da tecnologia pode ser utilizada como uma forma de motivar estudantes. Num mundo crescentemente tecnológico, não se pode ignorar o valor educacional dos telemóveis.

 

 

Contra

- É impossível de contestar que o telemóvel em ambiente de aula é uma distracção para os alunos, que os utilizam para as redes sociais e jogos.

- Segurança - O cérebro dos adolescentes funciona diferentemente do dos adultos, no que respeita à gestão dos riscos. A idade potencia o risco, até como forma de aprendizagem e os riscos que um telemóvel potencia (sexting, marcação de encontros, anonimato, bullying) são agravados.

- Já existem estudos que apontam para comportamentos aditivos que são propiciados pela tecnologia. 

- Nem todas as famílias têm capacidade financeira para dar um telemóvel com valor educacional aos filhos. Os professores não podem utilizar ferramentas escolares a que parte da população estudantil não consegue ter acesso.

- A massificação de câmaras com capacidades de partilha, tem levado à utilização ilícita a diversos níveis: crianças/jovens que são fotografadas/os e/ou filmadas/os sem a sua autorização, crianças/jovens que têm a sua imagem partilhada em páginas públicas sem o consentimento dos seus pais; utilização de imagens ilícitas para chantagear crianças/jovens a adoptar comportamentos de risco....

- Estudos começam a emergir com indícios de que a utilização das novas tecnologias afectam negativamente o desenvolvimento psicológico/emocional das crianças/jovens: os relacionamentos à distância não têm o mesmo impacto (há coisas que não diriam cara-a-cara; não é possível ler emoções num ecrã, como acontece num rosto; o ecrã cria uma falsa sensação de segurança; os riscos do anonimato). Li sobre um estudo interessantíssimo sobre como os adolescentes tinham pior hálito, e que isso se devia simplesmente ao afastamento social criado pelos telemóveis - como está tudo a olhar para um ecrã, não há a partilha de verdades brutais como: chega para lá, que tens mau hálito.

Destralhar em 5 minutos - Lista de contactos no telemóvel

Se são como eu que tem de percorrer a lista de contactos até encontrar o que precisa, sempre remoendo porque este ou aquele contacto ainda permanece, então este post é para si.

 

Aproveitei uma pausa no trabalho para destralhar o telemóvel e apaguei contactos telefónicos que eram tralha e como qualquer outra tralha:

- não utilizava (apaguei vários em que sequer reconheci o nome);

- duplicava-se: tinha contactos duplicados porque havia gravado o nome de forma distinta;

- tornavam mais difícil encontrar contactos - com efeito descobri que tinha números que pensava não ter e que precisava).

 

De 130 contactos, passei a apenas 62. Poderá não parecer significativo, mas imaginem o impacto que isso poderá ter quando procuram um contacto utilizando as letras do alfabeto (passei pouco mais que 3 contactos por letra de alfabeto, o que reduz bastante o tempo de procura).

 

 

Semana 7 - Destralhar o telemóvel

É tempo de destralhar o telemóvel e garantir a segurança de alguns contactos. 


 



 


1. Consulte o site do seu operador de telemóvel e é quase certo que encontrará uma forma de fazer uma cópia dos contactos do seu telemóvel.


 


2. Faça cópia das fotos ou vídeos e apague-as do telemóvel.


 


3. Apague contactos cujo nome já não reconhece.


 


4. Apague mensagens antigas.


 


5. Se tem aplicações instaladas, desinstale as que não utiliza.

Mais sobre mim

imagem de perfil

Posts mais comentados

Arquivo

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2016
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2015
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2014
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2013
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2012
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D