Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Destralhar

Plano B da Vida

Destralhar

Plano B da Vida

Um Natal simplificado

Este ano prometi a mim mesma que iria simplificar as festividades, nomeadamente no que respeita a presentes, quem bem vistas as coisas, é sempre o que me dá mais trabalho.

 

Uma das coisas que me ajudou imenso foi ter decidido não comprar brinquedos, mas livros. Um a um, fui encontrando o livro perfeito para cada um/a. 

Para a mais velha optei por chocolates (perguntei à mãe quais eram os preferidos dela) e dinheiro. Outra resolvida.

Depois resolvi o mais problemático de todos com uma conversa: sem troca de presentes.

 

Finalmente, à minha mãe, decidi dar exactamente o que ela me pediu: uma planta e chocolates. Finalmente ouvi e fiz aquilo que queria que me fizessem a mim - dei o que me pediram, sem me preocupar se era "suficiente". 

 

Reduzir as coisas, ajudou-me imenso, a diversos níveis. O próximo passo será organizar melhor a véspera de Natal, para poder ter mais tempo com as minhas sobrinhas e menos tempo na cozinha.

 

Preparar o Natal

toa-heftiba-177828.jpg

Foto de Toa Heftiba - Unsplash

 

Ontem ouvi dois podcasts cujo o tema era simplicar a preparação das festividades:

Happier: Hacks to Help Make the Holidays Happier

The art of simple: Holiday Prep! 

 

Achei muito curioso, que diferentes pessoas têm diferentes estratégias para um natal simplificado.

Há ache que é mais stressante planear tudo, porque quer liberdade para ir fazendo à medida que as coisas acontecem e há quem necessite de ter tudo organizado, para não estar constantemente em processo de decisão. 

 

Algures, para cada um/a de nós há um ponto de equilíbrio, entre a preparação e a espontaneidade. É uma questão de pensar o que tem resultado em anos anteriores e partir daí.