Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Destralhar

Plano B da Vida

Destralhar

Plano B da Vida

Os meus livros

DSC_0143 - Cópia.JPG

 

Tenho mais livros que prateleiras para os colocar. 

Quando pensei em destralhar livros, naturalmente antecipei problemas. Eu tenho uma relação de apego aos livros. Já destralhei muitos, já doei, troquei, etc. 

Mas também continuei a comprar e a pedir que me oferecessem livros usados, quando me perguntavam que tipo de presente queria. Em 2016 auto impus-me uma proibição de comprar livros para mim. Estou a cumprir. 

Tenho centenas de livros não lidos. E milhares à minha espera, em bibliotecas públicas, depois de passarem pelas minhas listas de livros a ler (que sonho conseguir ler).

 

Há algum tempo, motivada pela vontade de querer aliviar o espaço físico, pensei em doar livros a uma biblioteca. Mas a desculpa era que ainda não tinha lido. Depois, comecei a substituir a TV pelos livros, a ler mais. E continuei a não conseguir doar livros.

 

Finalmente, depois de muito tempo de reflexão percebi que vivo apegada à ideia de que as minhas sobrinhas venham a ler estes livros. Penso neles como um legado. 

 

Mas os livros são coisas e o verdadeiro legado será  transmitir-lhes o amor aos livros.

 

Isto para concluir que, este mês, doei à biblioteca municipal a minha leitura preferida do mês de Abril. Pequenos passos.

1 comentário

Comentar post