Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Destralhar

Plano B da Vida

Destralhar

Plano B da Vida

Desafio: Destralhar uma divisão em 10 dias

A Marta decidiu destralhar a cozinha (corajosa!). A Marta começou depois do início das publicações, mas já vai bem lançada.

 

DIA 1 (Cozinha)

Comecei por arrumar a cozinha no final do jantar e depois arranquei conforme planeado com os armários: abri, fotografei e analisei. Eu tenho muito espaço e o problema às vezes é esse, acabo por arrumar mal o que lá coloco ou arrumar o que não preciso.
Saíram logo
4 caixas de gelado familiares que eu nunca faço em casa e que sei que alguém aproveitará para marmelada;
4 cestas de verga para doar que ocupam muito espaço e eu não preciso mesmo delas (o ano que me lembrei de oferecer cabazes de Natal, voltaram novamente para mim numa outra oferta qualquer) e
uma caixa de lata enorme que ainda não sei bem o que lhe fazer.

No sitio destas coisas coloquei umas prateleiras que tinha comprado entretanto para colocar nos armários e assim não ficarem com espaço desperdiçado. Fica a faltar então ocupa-los devidamente.

Identifiquei ainda mais 4 armários com garrafas (acreditem que é mesmo verdade, o meu bar é na cozinha). Não quis perder tempo a contá-las, mas devo ter mais de 70 garrafas. Isto tudo acontece porque bebemos pouco, porque no Natal fornecedores e familiares oferecem muito e porque os meus familiares que são produtores também me oferecem.
Não se deita vinho fora, nem se dá para nenhuma instituição que pode correr mal , bom... eu preciso deste espaço, mas não se destralham tantas garrafas em 10 dias, por isso este processo vai ser mais lento, mas para começar fiz o seguinte:
1 Vinho Porto para oferecer no Natal,
1/2 Aguardente aberto para fazer um Licor,

1 Vinho Tinto aberto para beber ao jantar e

Bolo de Natal que levou Rum, Bailys e Vinho do Porto.

Por norma, já tento usar uma garrafa de Vinho Branco para cozinhar, mas o meu marido sempre que descobre dá-me na cabeça porque acha que é um desperdício... desperdício eu acho ter em casa parado e ir comprar um de propósito (mesmo que barato).
E é só... penso que valeu por ontem e hoje.