Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Destralhar

Plano B da Vida

Destralhar

Plano B da Vida

Pausa nos trabalhos para simplificar a vida

Estava a rever o meu plano de vida e a pensar o quanto o compliquei, e o quanto me desviei do caminho que planeei para mim. 

 

Por variadíssimas razões, percebi que tenho de abrandar, simplificar os meus dias, reduzir as minhas posses e concentrar-me nas pessoas que me rodeiam e nos meus objectivos de vida. É que a vida passa a correr e sinto que tudo me está a fugir do controle. 

 

Não consigo continuar publicar neste blog, pelo menos não de forma regular, e fazer as coisas a que me proponho. Melhor dizendo, não estou a conseguir fazê-lo. 

 

Não quero com isto dizer que irei fechar um blog, mas decididamente irei fazer uma pausa e reduzi-lo a publicações que reflictam o que fiz e não o que pretendo fazer (como tarefas ou desafios,...). 

 

Tenho algum receio que esta mudança de paradigma me impeça de prosseguir, afinal de contas este blog é uma forma de me auto responsabilizar e há muitas coisas que fiz porque vos tinha desse lado a ler, a incentivar, a corrigir, a motivar. E por isso, muito vos agradeço. 

 

Por favor saibam que não tomo esta decisão de ânimo leve, mas de um lugar de pura exaustão. 

 

No que respeita ao grupo no Facebook. 

 

De igual modo, nos próximos 100 dias não irei estar presente no Facebook: não irei ler mensagens ou comentários e, por isso, irei desligar a publicação automática do blog nessa rede social.

O grupo continuará fechado e por isso, não haverá novas admissões. A moderação (excluir publicidade, spam, etc.) será feita apenas pontualmente, caso seja alertada por membros do grupo, para alguma situação menos agradável.

 

Como alternativa, estarei sempre contactável através de email: destralhar.oblog@gmail.com

Não asseguro que possa responder diariamente, mas responderei brevemente.  

Também lerei (e responderei, se for caso disso) os comentários, aqui no blog. 

 

Espero que compreendam e não deixem de estar desse lado. 

Um abraço,

Cristina